Error
Publicidade

Corpo de alpinista americano é encontrado mumificado no Peru

William Stampfl foi localizado no Monte Huascarán, a 5.200 metros de altitude

09/07/2024 às 14h40
Por: Redação
Compartilhe:
Foto: Reprodução/Polícia Nacional do Peru
Foto: Reprodução/Polícia Nacional do Peru

O corpo de William Stampfl, alpinista americano desaparecido há 22 anos enquanto escalava o Monte Huascarán, a montanha mais alta do Peru, foi encontrado mumificado, informou a polícia nesta segunda-feira (8). O corpo estava vestido e em bom estado de conservação.

Stampfl foi declarado desaparecido em junho de 2002, após ser sepultado por uma avalanche de neve no Huascarán, que possui 6.757 metros de altitude e está localizado na região de Áncash, cerca de 400 km de Lima.

De acordo com o relatório policial, os socorristas encontraram o corpo a uma altitude de 5.200 metros, próximo ao acampamento base um do Huascarán, uma área perigosa caracterizada por fendas. A descoberta foi possível devido ao derretimento das geleiras, consequência das mudanças climáticas.

Stampfl estava vestido com roupas de escalada, arnês e botas. Ele foi identificado graças ao passaporte dos Estados Unidos encontrado entre suas roupas. Na época do desaparecimento, Stampfl tinha 59 anos.

As condições de frio extremo no Huascarán, que podem chegar a -19°C durante a noite, permitiram a conservação do corpo desde 2002.

Em junho deste ano, o corpo de um escalador italiano que sofreu um acidente ao tentar uma escalada na montanha de Cashan, com 5.716 metros de altura, também foi encontrado.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários